PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
26/09/2017 16h29 - Atualizado em 26/09/2017 17h31

Agência Nacional de Águas destina R$ 3 milhões a projetos de conservação de água e solo

Portal Brasil


A Agência Nacional de Águas (ANA) vai destinar R$ 3 milhões para projetos de conservação da água e do solo em Brasil Novo (PA), São José dos Campos (SP) e Santa Teresa (ES).

 

Cada iniciativa receberá R$ 1 milhão para os projetos de pagamento por serviços ambientais (PSA) prestados por produtores rurais.

 

Os recursos deverão ser aplicados em ações de adequação de estradas rurais, terraceamento agrícola, cercamento de remanescentes florestais e de áreas em processo de regeneração, plantio de mudas de espécies nativas, construção de barraginhas e saneamento rural.

 

Os demais 33 projetos classificados formarão um banco de projetos durante três anos, que poderá receber recursos desde que haja disponibilidade orçamentária e financeira da ANA.

 

Participaram desta seleção órgãos e entidades da administração direta e indireta municipal, estadual e distrital, além de consórcios públicos de todo o País.

 

Programa Produtor de Água

O Programa Produtor de Água foi lançado pela ANA em 2001 e tem foco no estímulo à política de pagamento por serviços ambientais voltada à proteção hídrica no Brasil.

 

A iniciativa estimula práticas conservacionistas em propriedades rurais de forma a melhorar a qualidade da água e aumentar sua vazão, revitalizando as bacias hidrográficas.

 

O Produtor de Água consiste em remunerar o produtor rural com valores proporcionais aos serviços ambientais prestados, que beneficiam a sociedade que vive numa determinada bacia hidrográfica, além de oferecer assistência técnica para a recuperação ambiental da propriedade.